Vista-se de Você Mesmo

Cada um de nós se veste para si e para os outros. Cobrir o corpo comunica quem somos, do que gostamos, desejamos, de onde viemos e o nosso papel social, ou seja, nosso de estilo de vida. Criamos no dia a dia modos, maneiras, comportamentos e atitudes, criamos moda. A moda é fator de diferenciação. Ela não é vista somente nas roupas, e sim em um todo que é válido por um período. Podemos percebê-la em comidas, lugares, arquitetura, músicas e danças.

Já o estilo é a maneira especial de fazer, dizer, escrever, compor, pintar. Vestir, maquiar e pentear compõem seu estilo, sua forma de usar as roupas.

É preciso muito compromisso consigo mesmo, porque a essência original é frequentemente mascarada, seja pela pessoa não estar bem ou por querer mostrar alguém que não é.

Sejamos sinceros: assumir-se sem máscaras e sem fachadas nem sempre agrada as pessoas e a nós mesmos. Mas é o melhor caminho deixarmos que o “real eu” apareça para trabalharmos o que não gostamos em nós e, assim, tornarmos pessoas melhores. Enquanto a parte que gostamos, por sua vez, só vai melhorar.

Modas passam e elegâncias permanecem. Tenha atitude! Contudo, não confunda atitude com arrogância. Atitude tem a ver com valorização pessoal, com o desejo e a capacidade de fazer o máximo que você tem. É um investimento. Faça-o por você, porque precisa e merece.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *