Vista-se de Você Mesmo

Cada um de nós se veste para si e para os outros. Cobrir o corpo comunica quem somos, do que gostamos, desejamos, de onde viemos e o nosso papel social, ou seja, nosso de estilo de vida. Criamos no dia a dia modos, maneiras, comportamentos e atitudes, criamos moda. A moda é fator de diferenciação. Ela não é vista somente nas roupas, e sim em um todo que é válido por um período. Podemos percebê-la em comidas, lugares, arquitetura, músicas e danças.

Já o estilo é a maneira especial de fazer, dizer, escrever, compor, pintar. Vestir, maquiar e pentear compõem seu estilo, sua forma de usar as roupas.

É preciso muito compromisso consigo mesmo, porque a essência original é frequentemente mascarada, seja pela pessoa não estar bem ou por querer mostrar alguém que não é.

Sejamos sinceros: assumir-se sem máscaras e sem fachadas nem sempre agrada as pessoas e a nós mesmos. Mas é o melhor caminho deixarmos que o “real eu” apareça para trabalharmos o que não gostamos em nós e, assim, tornarmos pessoas melhores. Enquanto a parte que gostamos, por sua vez, só vai melhorar.

Modas passam e elegâncias permanecem. Tenha atitude! Contudo, não confunda atitude com arrogância. Atitude tem a ver com valorização pessoal, com o desejo e a capacidade de fazer o máximo que você tem. É um investimento. Faça-o por você, porque precisa e merece.

All White – Verão 2021!

Há algumas semanas falamos sobre as cores aqui na coluna. Explanei o quanto o branco é importante e causa uma excelente impressão. Além, de ser uma das cores neutras mais elegantes. Seja o branco puro, o branco sujo, o branco gelo ou qualquer outra tonalidade de branco, o efeito é sempre o mesmo, puro glamour.

A área da saúde está deixando a moda utilizar essa matiz com mais frequência e intensidade. O público geral também está aprendendo a usar a cor e essa leveza e transparência vai deixar o verão mais fresco e menos pesado. Combine peças brancas com outras em tons pasteis ou até mesmo com o linho cru. Não tem como errar. Acessórios na cor são demasiadamente elegantes. Uma bela sandália branca Anabela com salto de cordas não deveria faltar no armário de nenhuma mulher fashionista. Não tenha medo das bolsas brancas. Elas são lindas e tomando cuidado duram muito.

Outra tendência para o verão de 2021 é Laise, que tem origem francesa e caracteriza-se pelos bordados vazados no algodão. Lembra a renda, e ambas vão dar as caras nesse verão. Se a Laise era exclusividade dos vestidos em outrora, hoje ela aparece em várias peças: calças, saias, jaquetas e blusas contemplam esse delicado bordado. No branco, é perfeito!

Destaque para os conjuntos de duas peças, inspirados nos ternos. E você, o que acha do branco?

Já temos uma cor para 2021?

A maior empresa de pesquisas em tendências mundiais a WGSN já elegeu para 2021 uma cor que diz ser a cara desse momento. Um elétrico azul chamado de “A.I Aqua” já está mexendo com a cabeça de designers e fashionistas. Inspirada na natureza, a matiz traz positividade, modernidade e um toque esportivo na medida. Será que ela vai pegar?

A tecnologia também inspirou na chegada desse tom de azul. Assim, como clima político atual. Com certeza, essa tendência cromática terá um efeito trickle-down que nada mais é que, as marcas de luxo lançam estilos, ricos e famosos compram peças das coleções e ajudam a espalhá-las fazendo as tendências caírem no gosto do povo. Simples, porém muito eficaz.

O azul é sem dúvida a cor preferida da tecnologia. Um estudo dos sites de tráfego mais intenso da internet mostrou que há quase o dobro de tons de azul para tons de amarelo e vermelho e três vezes mais azul do que verde. O 5G também virá com tudo em 2021 e isso, é mais um aspecto relevante de que a tecnologia estará cada vez mais presente no cotidiano.

O brilho acrescentado à comercialidade do azul será um sucesso. Em tempos políticos turbulentos, tons vibrantes cheios de otimismo é a aposta de muitos. Então, que tal já começar a vasculhar o armário para ver se você tem algo parecido? Com branco, outro hit do verão 2021, essa cor fica perfeita. Apostar num laranja mais apagado também é outra dica infalível.

Etiqueta respiratória

Estamos desde março em uma pandemia que assolou o mundo. A visão de sociedade que tínhamos está sendo revisada. Precisamos nos preocupar mais ainda com nossa higiene e com a higiene do próximo. Quem iria imaginar que em pleno século 21 iríamos ter que ensinar as pessoas a lavarem as mãos? Usar máscaras, então, está sendo um desafio a cada dia. Virou cotidiano. Cadê chaves? Celular? E máscara? E agora José?

Bom, agora é o momento de mostrarmos que somos evoluídos e educados. O comércio está começando a reabrir e precisamos estar atentos aos detalhes.

O uso da máscara é primordial. Bares e restaurantes vão abrir com restrições. Que tal, além do dos itens básicos da maquiagem, acrescentar o álcool em gel? Nada de querer fazer selfies com todos os amigos no estabelecimento. O momento é de precaução.

Deixe os abraços e afagos mais empolgados para depois da pandemia. Mate a saudade com os olhos. Use máscara para fazer o seu pedido ao garçom e o exponha o mínimo possível. Para que chamá-lo para servir você sendo que a garrafa está ao seu lado?

Pagar com cartão é outra forma de se prevenir. E caso algum amigo passe do ponto, seja consciente e tome as rédeas da situação. É natural bebermos e ficarmos mais amáveis. Mas, estamos numa pandemia.

Cuide de você e do próximo. Isso é ser elegante. Em breve tudo voltará ao normal, eu prometo, mas, até lá, precisamos nos cuidar.

Descuidos da moda!

É sabido que a moda é cíclica e entre uma década e outra sempre aparece algumas tendências que são de deixar qualquer pessoa elegante estarrecida. Contudo, existe alguns assombros do mundo fashion que insistem em aparecer vez ou outra, não como uma novidade, e sim, como uma infração digna de levar uma multa. Para você não ter que entrar no ranking das bizarrices da moda, fique atento as dicas a seguir. Leve a sério! Isso não é uma brincadeira.

O sutiã, é uma peça que deve ser escolhida com cuidado e parcimônia. Procure um que se adapte bem a você e a sua roupa e nunca deixe as alças aparecerem. Nem preciso falar que as de silicones deveriam ficar lá nos anos 2000. Medo define.

Meias brancas são para praticantes de atividade física. Elas nunca devem ser usadas no dia a dia. Pare já com isso! Compre meias que combinem com suas calças ou sapatos. Essa dica é valiosíssima para os homens. Que tal investir em meias coloridas ou com padronagens diferenciadas?

“O defunto era maior?” Essa conhecida expressão é ideal para indicar quando a roupa está em um número acima do que a pessoa usa.

De tempos em tempos, sempre reveja a situação de suas bijuterias. Se elas estiverem gastas, faltando pedras ou sem brilho, está na hora de aposentá-las. Isso vale para bolsas também. Quando elas começarem a descascar, o destino é um só. Lixo! Sair deixando rastros só é bacana na história do João e Maria.

Manga Bufante, verão 2021!

Quando comecei a escrever a coluna dessa semana, quis pensar lá na frente. Sim, estamos um pouco saturados com o assunto da pandemia e é óbvio que resolvi pensar em um momento que as nossas vidas voltarão ao normal. Assim, resolvi compartilhar com vocês uma tendência que há duas estações vem tomando conta das vitrines de muitas lojas e consolidará no verão de 2021, a manga bufante.

Sim, elas voltaram. Como tudo na moda é cíclico, mais uma vez elas aparecem e prometem estar no armário de todas, desde as mais fashionistas até quem é mais clássica. Romântica, esse tipo de manga é ideal para você que quer mostrar um pouco de delicadeza em certas produções.

Criada na era renascentista, ela se popularizou mesmo na era vitoriana. O propósito era romantizar os looks e isso fica claro quando falamos de “princesas”. Sim, todas as princesas da Disney aparecem usando esse tipo de manga pelo menos alguma vez nos filmes. Agora, ela volta mais contida, porém, não menos romântica. Como vou usar mangas bufantes no dia a dia? Primeiro, vamos pensar em equilíbrio. Ela é ideal para quem tem muito quadril. Se você tem pouco quadril, opte por combinar essa manga com uma saia ou short mais volumoso. Outra dica é que esse tipo de manga é perfeito para acalmar looks pesados. Combine calça jeans rasgada e botas pesadas com blusa com mangas bufantes. Com couro também fica incrível, já que o ar romântico tira o sexy que o couro traz para o visual..

Combinações!

Enfim, chegamos na última parte da coluna sobre as cores. Depois de saberem tudo sobre cores, agora é hora de saber como combiná-las. A primeira coisa que precisam saber é que cores opostas combinam entre si. Aqui, as básicas: amarelo combina com roxo; vermelho com verde e azul com laranja. Por isso, que os maquiadores profissionais utilizam corretivo verde para camuflar imperfeições vermelhas como espinhas. Essas cores são tão perfeitas juntas que criam um visual harmônico e elegante.

Outra dificuldade da maioria das pessoas é combinar estampas. Afinal, é possível? A resposta é um sonoro sim. Se você não for nenhuma fashionista, escolha estampas da mesma cor. Por exemplo, uma xadrez preto e branco vai combinar perfeitamente com um camuflado no mesmo tom. Agora, se quiser ousar, que tal combinar estampas com as cores opostas?

Agora, vamos falar do preto e do branco. Todas as cores combinam com elas. Isso é complexo demais, portanto vamos deixar elas como cores. Assim, se estiver com dúvidas na hora de combinar seu look colorido, aposte no preto ou no branco. Os tons de nude também são boa opção. Mas, lembre-se que cada um tem um tom. Se comprar o tom errado, será bege e não nude. A mesma combinação também serve para maquiagem e cabelo. Combine a sombra com o batom. Uma ruiva ficará linda de verde, e por aí vai. Use, abuse e seja feliz num mundo mais colorido..

Nas cores do arco-íris!

Na coluna dessa semana vamos continuar falando a respeito das cores. E vocês, já separaram o armário de vocês por cores? Qual a cor predominante? Vamos falar das cores quentes. Que tal o vermelho para você?

Com certeza é uma cor apaixonante, mulheres e homens tem uma atração fatal peço vermelho. A cor chama atenção, por isso, muito cuidado no uso, hein? Madrinha de casamento vestida de vermelho é pedir para acabar com a amizade com a noiva. Chamada de escarlate, o vermelho puro extraído da cochonilha tornou-se o terceiro produto mais exportado da América do Sul nos séculos 16 e 17.

Muitas pessoas dizem que não ficam bem de amarelo. O que elas não sabem, é que existe o tom certo para cada um. Procure um tom que se adapte com sua pele. Alegre, essa cor é uma das preferidas das crianças e estimula os estudos. Vincent Van Gogh em 1888 disse: “Agora estamos tendo um belo calor, um tempo sem vento que é benéfico para mim. O sol, uma luz que, por falta de uma palavra melhor, posso chamar de amarelo, amarelo brilhante, ouro pálido. Que lindo é o amarelo!”.

E, por último, temos o laranja dentre das cores quentes mais populares. Assim, como o amarelo, tente achar o seu tom de laranja ideal. É cor alegre e chamativa. Quer chamar a atenção sem ser invasiva, troque o vermelho por laranja. É excelente cor para acessórios. Que tal uma bolsa laranja? Já pensou nisso? Ou uma sandália? É a cor perfeita para combinar com azul..

Arco-íris!

A coluna desta semana será dividida em três partes. Vou falar essa semana sobre as cores e como elas tem um poder enorme de influência na nossa imagem e em nossos comportamentos. Todas as cores passam mensagens e devemos deixar o preconceito de lado e cair de cabeça no mundo colorido. Assim, vamos fazer como o grande pintor Gauguin, uma vez ele disse: “Rejeite o preto e aquela mistura de preto e branco que chamam de cinza. Nada é preto, nada é cinza.”.

Vamos começar falando do azul, essa cor passa segurança, credibilidade e é a cor predileta de homens e mulheres. Não é à toa que grande parte das empresas escolhem essa cor para ilustrar sua logomarca ou pintar suas paredes. Para os homens, a cor sequência é o verde. O verde é muito relacionado ao meio ambiente por motivos óbvios. Também, é a cor do sucesso. Passa tranquilidade e hospitais adoram essa cor em tons pasteis.

A segunda cor queridinha das mulheres é o roxo. Não torça o nariz! O roxo ao contrário do que muitas pessoas pensam é uma cor incrível ligada a nobreza e sofisticação e não a eventos fúnebres. Nobres vestiam roxo e o Papa até o século XV também. Só depois que roxo foi substituído pelo vermelho que simboliza, o sangue de Cristo. Intelectuais adotaram o roxo e mulheres muito inteligentes foram queimadas como bruxas, assim, a cor acabou sendo associada ao ocultismo que nada mais era que o estudo do desconhecido. E antes que você pense besteira, medicina e astrologia era ocultismo naqueles tempos.

Que tal combinarmos um exercício, ao longo dessa semana separe o seu armário por cores. Quero saber qual é a predominante. Topa?

Mais que essencial: vital!

Para muitas mulheres a bolsa é artigo indispensável para colocar os pés na rua. Com uma enorme lista de variedades e estilos quem precisa carregar seus pertences por aí, não fica sem ela. Vocês, leitores da coluna, sempre me pedem dicas de modelos e cores desse acessório tão importante. Assim, resolvi fazer um tutorial para ajudá-los a encontrar o modelo ideal.

Primeiro, tente avaliar o seu estilo de vida e rotina. Se você não sai nunca para compromissos sociais, uma bolsa de paetê não cabe no seu armário. As básicas, são sempre as melhores opções. As de tamanho médio também. Avalia-se, uma mulher muito voluptuosa, não fica bem com uma bolsa muito pequena. O mesmo se você for muito pequena e usar uma bolsa muito grande. Vai parecer uma criança que roubou a bolsa da mãe.

Na hora de comprar, se não possui nenhuma ou quer renovar seu guarda-roupa, eu indico três: preta básica, branca, off white, creme ou caramelo, e colorida. Ambas de tamanho médio e atente-se para que elas não tenham muitos metais expostos.

Também é válido ter uma menor para festas ou eventos noturnos. Preta, nude, cinza ou creme. Existem três tipos de bolsa: as de alças longas, médias e as de mão. Todas devem ser carregadas do lado esquerdo e a mão direita deve estar sempre livre, para cumprimentar as pessoas. Nada de bolsas transpassadas: você não é o carteiro, ok?

E pochetes não são bolsas. É a chacota da moda que deveria ficar nos anos 80.